quinta-feira, 21 de março de 2019

Tóquio apresenta tocha olímpica inspirada em flor de cerejeira

A chama percorrerá as 47 províncias do país durante o período de 121 dias
Tóquio 2020 tocha olímpica

O Comitê Organizador dos Jogos de Tóquio de 2020 apresentou na quarta-feira (20) a tocha olímpica. Com design moderno, 71 centímetros e 1,2 kg, a tocha tem tons em dourado e rosa e formato de uma flor de cerejeira estilizada. O símbolo olímpico foi projetado de modo que as cinco chamas se encontrassem.

O comitê nomeou a cor sakura e ouro -  sakura significa flor de cerejeira em japonês. A tocha é trabalho do designer Tokujin Yoshioka. A árvore cerejeira é símbolo do Japão e floresce em distintos períodos do ano, do sul ao norte do país. São mais de 200 espécies.

A tocha olímpica é feita de alumínio, com 30% de material reciclado de resíduos de construção de habitações temporárias de Iwate, Miyagi e Fukushima, destinadas a pessoas que perderam suas casas no terremoto e tsunami em 2011.
Tocha Olímpica Tokyo 2020

O artista plástico Yoshioka disse que quando fez o símbolo, pensou em pessoas afetadas pelo desastre, na recuperação mental e no desejo de paz. Segundo ele, a tocha foi projetada para brilhar com a luz do sol.

De acordo com o design, a expectativa é que os atletas, que farão o revezamento da tocha, também “brilhem e criem um caminho de esperança” por onde ela passar. O revezamento começará no dia 26 de março de 2020, no centro de treinamento de futebol da J-Village, em Fukushima.

A tocha percorrerá todas as 47 províncias do Japão, durante o período de 121 dias que anteceder a cerimônia de abertura, em 24 de julho de 2020.
Fonte: Alternativa com Reuters

segunda-feira, 11 de março de 2019

Oito anos do Grande Terremoto do Leste do Japão

11 de março marca 8 anos do Grande Terremoto do Leste do Japão
região Tohoku

Hoje, segunda-feira 11 de março de 2019, o Japão marca 8 anos do grande terremoto que atingiu o Japão e subsequente acidente nuclear na planta nuclear Fukushima Daiichi.

O terremoto de magnitude 9 na escala Richter ocorreu ao largo da costa da região Tohoku às 14h46.

Um tsunami de mais de 10 metros de altura causado pelo forte tremor atingiu as costas de Tohoku e Kanto.

De acordo com a Agência Nacional de Polícia, desde 8 de março o número de pessoas mortas confirmadas era de 15.867 e 2.533 outras estavam desaparecidas. Pelo menos 22.131 morreram em decorrência do desastre de 2011, incluindo aquelas cujas condições saúde se deterioraram enquanto estavam em evacuação.

Muitos problemas não foram solucionados nas áreas afetadas, incluindo um declínio da população regional e idosos vivendo isolados.

Em sete municípios na província de Fukushima ainda há zonas de entrada proibida. Uma pesquisa realizada pela Agência de Reconstrução em fevereiro mostra de 51.778 pessoas de áreas afetadas ainda estão vivendo em outros lugares no país como evacuados. Esse número vem diminuindo gradualmente.

No desastre de 2011, três reatores na planta Fukushima Daiichi sofreram fusão no que é considerado um dos piores acidentes nucleares do mundo.

No mês passado, uma sonda robótica colocada dentro de um dos reatores fez contato direto com os detritos, o que deve ser uma mistura de combustível nuclear fundido e partes estruturais.

Por causa dos detritos que lembram um monte argiloso a sonda robótica teve dificuldades para se mover.

A remoção dos detritos é considerada a parte mais difícil do desmantelamento da planta.

O governo e a TEPCO – Tokyo Electric Power Company que opera a planta disseram que com base nos resultados da avaliação, eles esperam iniciar a remoção dos detritos dos reatores em 2021 após considerar até o fim de março de 2020 maneiras de realizar o trabalho.

Nesse meio tempo, a água refrigerada sendo despejada sobre os detritos nos três reatores está sendo coletada sob o solo. A água, misturada com água subterrânea que flui no complexo de encostas próximas, continua se acumulando como contaminada.

A Autoridade de Regulação Nuclear disse que liberar a água no oceano após diluí-la de forma suficiente abaixo do nível radioativo máximo permitido pelo governo será uma maneira razoável de lidar com o problema.

Contudo um plano final sobre como lidar com a água contaminada ainda será decidido por causa das objeções de pescadores locais.
Fonte: Portal Mie com NHK

segunda-feira, 4 de março de 2019

Sakura em plena floração, em Okazaki

As cerejeiras com um tom rosa mais acentuado, chamadas de ‘aoizakura’, já estão floridas
Sakura em Okazaki

Dez dias antes do período normal, na segunda-feira (3) quase uma centena de árvores de cerejeiras da variedade kawazuzakura já estão floridas.

O leito do Rio Oto, na cidade de Okazaki, tem uma fileira dessa variedade, chamada localmente de aoizakura.

Apesar do tempo instável, muitas pessoas já foram para lá fazer sua caminhada habitual e aproveitaram para tirar belas fotos. Afinal, nem sempre é possível ver as pétalas com gotas de água.

Estarão floridas até cerca de 20 deste mês, por isso, é imperdível fazer esse passeio gratuito para apreciá-las.

Floram plantadas e cuidadas com carinho por um grupo de voluntários da cidade.

cerejeiras aoizakura

Clique aqui para ver o local onde estão as cerejeiras.
Fonte: Portal Mie com CBC TV e Pref. Okazaki

quarta-feira, 13 de fevereiro de 2019

Japão vai ampliar prisão e multa para download ilegal de qualquer material com direitos autorais

Os infratores poderão ser presos por até dois anos ou pagar multa de até 2 milhões de ienes
Download ilegal no Japão
O Japão pretende tornar ilegal o download de qualquer material protegido por direitos autorais, incluindo mangás, jogos de computador e trabalhos literários, informou a agência de notícias Kyodo nesta quarta-feira (13).

Em um relatório para a Agência de Assuntos Culturais, um painel do governo pediu a ampliação do campo de downloads ilegais, atualmente restritos a vídeos e músicas, para todos os materiais protegidos por direitos autorais.

O relatório também propôs a punição de operadores de sites que divulgam links para páginas de pirataria.

A Agência planeja enviar ao Parlamento um projeto para alterar a Lei de Direitos Autorais e impor controles mais rígidos.

O painel indicou a necessidade de reprimir os sites de pirataria, já que os danos aos detentores de direitos autorais têm aumentado.

A recomendação é de que os infratores sejam presos por até dois anos ou paguem multa de até 2 milhões de ienes, ou então ambos, Mas eles só poderão ser indiciados se as queixas criminais forem apresentadas pelas vítimas.

Os danos causados por um site de pirataria japonês chamado Mangamura, que foi bloqueado em abril do passado, foram estimados em cerca de 300 bilhões de ienes. O site, que já teve mais de 100 milhões de visitas por mês, hospedou cópias não autorizadas de títulos populares de mangá, incluindo "Attack on Titan" e "One Piece".
Fonte: Alternativa

sexta-feira, 25 de janeiro de 2019

Robô ganha função de cuidar da criança ou idoso

O cãozinho Aibo, da Sony, ganhou nova função, de cuidador da criança ou do idoso, mandando a informação para a mãe ou familiar através do smartphone
Aibo da Sony

O cãozinho Aibo, um minirobô da Sony, ganhou novo colorido para ficar mais parecido com a raça Beagle. A combinação de dois tons de marrom deram um toque especial e foi intitulado de chocolate.

A Sony passou a receber as encomendas desde quarta-feira (23) para entrega a partir de 1.º de fevereiro. O preço continua sendo de 19,8 mil ienes mais imposto.

Nova função do Aibo
Além da novidade na cor, o Aibo ganhou a função de cuidador de crianças ou idoso. Através da câmera instalada no focinho ele sai à procura do alvo e informa o membro da família sobre a segurança.

Ele faz uma espécie de patrulha dentro de casa para localizar a criança ou idoso deixado em casa enquanto a pessoa da família vai às compras, por exemplo.

Ele sai à procura da criança ou idoso dentro de casa tocando uma música de ronda. Ao encontrar, faz continência ao mesmo tempo em que a informação vai para o smartphone tranquiliza o familiar.

Em colaboração com a gigante do setor de segurança – Secom – a Sony pode realizar o casamento entre entretenimento e segurança.
Fonte: Portal Mie com ANN, Sankei e IT Media

quarta-feira, 2 de janeiro de 2019

Festival e feira do Daruma em Gunma

A cidade de Takasaki, famosa no país pela produção dos bonecos Daruma, está com um festival e feira somente em 2 dias
Daruma

A cidade de Takasaki (Gunma) é uma das mais famosas na produção de Daruma. Está acontecendo um festival combinado com feira e atrai mais de 300 mil visitantes.

Lá podem saborear as delícias dos festivais japoneses, curtir os shows, apreciar e comprar bonecos da sorte chamados de Daruma.

Esse festival começou em 2017 e este ano comemora a terceira edição. Este ano foi implementada uma inovação. Para que os visitantes possam também orar nos templos e nos santuários xintoístas a comissão colocou um ônibus circular gratuitamente.

Os bonecos da sorte ganharam inovação também. Nas diversas barracas se encontra de cores diversas, design inovador e também com cara do javali, por causa do horóscopo chinês. Quem quiser um Daruma personalizado pode pedir para escrever o nome, gratuitamente.

O público pode escrever seus pedidos para 2019 no Daruma gigante colocado na feira. A comissão também distribui ema (placas para escrever o pedido) gratuitamente.

Takasaki Daruma Ichi

Takasaki Daruma Ichi – 高崎だるま市
Datas: 1.º e 2
Horário: 10h às 16h
Local: avenida a partir do lado oeste da estação de trem Takasaki (clique aqui para abrir o mapa)
Página web: takasaki-darumaichi.com/
Fonte: Portal Mie

terça-feira, 4 de dezembro de 2018

Serviços de pager no Japão são encerrados após 50 anos

A Tokyo Telemessage, a única provedora que permaneceu, decidiu encerrar seu serviço para Tóquio e três regiões vizinhas em setembro de 2019
Pager no Japão são encerrados

O fim da era pager está chegando para o Japão após cinco décadas, enquanto a última provedora do país anunciou na segunda-feira (3) que descartaria seu serviço no próximo ano.

A Tokyo Telemessage, a única provedora que permaneceu, disse que havia decidido encerrar seu serviço para Tóquio e três regiões vizinhas em setembro de 2019 – descrevendo o desenvolvimento como “muito lamentável”.

“Os pagers já foram um grande hit, mas o número de usuários está agora abaixo dos 1.500”, disse a empresa em uma declaração, frisando que havia parado de fabricar o aparelho há 20 anos.

Os pagers – conhecidos no Japão como “poke-beru” (pocket bell) e no Brasil como “bip” – se tornaram muito populares nos anos 1990 principalmente entre as estudantes japonesas do ensino médio obcecadas pelas primitivas funções de mensagens de texto que o aparelho oferecia.

No pico de 1996 para a tecnologia, o número de usuários chegou a mais de 10 milhões, de acordo com dados do governo.

Contudo, os telefones celulares enviaram rapidamente os pagers para o caixote de lixo da tecnologia.

A grande empresa de telecomunicações NTT, que introduziu os pagers em 1968, encerrou seu serviço em 2007.

Estrangeiros que visitam o Japão geralmente ficam surpresos com o uso contrastante da tecnologia no Japão.

Por outro lado, o Japão é uma terra de alta tecnologia e dispositivos futurísticos, mas também pode ser à vezes uma escola estranhamente antiga – por exemplo, o fax ainda é usado de forma rotineira como método de comunicação.

O ministro japonês responsável pela cibersegurança, que recentemente virou manchete dos jornais, admitiu que nunca tinha usado um computador.

Yoshitaka Sakurada, de 68 anos, também responsável pelas Olimpíadas de 2020, também pareceu confuso a respeito do conceito de uma unidade USB.
Fonte: Portal Mie com Straits Times

sexta-feira, 30 de novembro de 2018

Toyo Matsuri vai agitar bairro da Liberdade neste fim de semana

Em sua quinquagésima edição, o evento traz meio século de tradição ao bairro mais oriental de São Paulo
Toyo Matsuri 2018

O 50º Toyo Matsuri - Festival Oriental será realizado neste fim de semana no bairro da Liberdade, em São Paulo. O evento é promovido pela a ACAL (Associação Cultural e Assistencial da Liberdade), como apoio da Prefeitura Municipal de São Paulo.

No sábado (01), às 14h, haverá a cerimônia de abertura oficial, com o ministro do Xintoísmo, Kazuo Osaka, caminhando pela a Rua Galvão Bueno para abençoar o comércio local.

Em sua quinquagésima edição, o evento traz meio século de tradição ao bairro mais oriental de São Paulo, ocupando a Rua Galvão Bueno, Rua dos Estudantes e a Praça da Liberdade, que foram enfeitadas com o tradicional "nobori" (bandeira vertical).

Além da famosa Feirinha de Artesanato, das lojinhas e restaurantes que compõem o bairro, o visitante poderá degustar as guloseimas no corredor gastronômico e comprar produtos orientais que serão expostos na Rua Galvão Bueno.

O festival terá como atrações as apresentações do Kenko Taissô, Radio Taissô, artes marciais, Hanayagui Kinryu Kai, Okinawa Goju-Ryu-Karatê do Hozonkai, Shan Shan Kasa Odori, Kitsume Yosakoi Soran e Tenryuu Wadaiko e Jya Odori.

O público também poderá apreciar shows dos cantores nikkeis Karen Ito, Joe Hirata, Ricardo Nakaze, Edson Saito e Diogo Miyahara, além de ver o desfile de cosplay e parada de taiko.

De acordo com os diretores da ACAL, Hisaji Akimura e Massayoshi Furuno, o Toyo Matsuri, diferente da maioria dos eventos, não foi exatamente trazido do Japão, mas sim criado na Liberdade com a intenção de reunir anualmente todos os visitantes e moradores para desfrutar da cultura japonesa de uma forma mais festiva e informal, criando laços e oportunidades para expandir a cultura.

Os diretores foram unânimes em dizer que "o objetivo do evento é uma integração dos comerciantes e uma forma de agradecimento do ano que passou".

Festival Oriental 2018

50º Toyo Matsuri - Festival Oriental
Local: Praça da Liberdade, em São Paulo
Data: 01 e 02 de dezembro
Horário: Dia 01 (sábado) das 10h30 às 19h, e dia 02 (domingo) das 10h30 às 18h
Informações: 11 3208-5090 e 11 3399-3000
E-mail: acaliberdade@terra.com.br
Facebook oficial: Toyo Matsuri

Programação
Sábado - 01/12
10h30: Associação Radio Taissô - Liberdade
11h30: Ricardo Nakasse
12h05: Kitsume Yosakoi Soran
12h30: Taikô-ACAL
12h55: Okinawa-Goju-Ryu Karatê do Hozonkai
13h25: Shan Shan Kassa Odori
13h50: Hanayagui Kinryu Kai
14:00 Cerimônia Xintoista
14h05: Shinsei ACAL
14h20: Bunyo-bu ACAL
14h35: Tenryu Wadaiko / Jya Odori (Cortejo das autoridades)
14h40: Mika Youtien / Mika Taikô
15h00: Posicionamento das autoridades no palco
15h10: Awa Odori Represa
15h25: Pronunciamentos
16h25: Jya Odori
16h40: Rizumu Taissô – ACAL
17h05: Tenryu Wadaiko
17h30: OkkinawaKObudo Jinbukai
17h45: Okinawa Shorina-Ryu Karatê-do Jyureikan
18h00: Ass. Kenko Taissô do Brasil
18h25: Banda Uchiná
19h00: Encerramento

Domingo - 02/12
10h30: Associação Radio Taissô - Liberdade
11h25: EdsonSaito Tes Band
12h20: Kodaiko
12h50: Joe Hirata
13h35: Corpus Line
14h15: Karen Ito
15h00: Requios Gueinou Doukoukai
15h35 Buyo-bu ACAL
15h50: Rizumo Taissô-ACAL
16h15: Kiendaiko
16h45: Instituto Maruyama de Aikidô
17h05: Grupo Tokuhero Cosplay
17h35: Sakura Fubuki
18h00: Encerramento
Fonte: Alternativa

sábado, 6 de outubro de 2018

Toyota do Brasil abre inscrições para sétima edição do concurso Carro dos Sonhos

Vencedores concorrem a uma viagem ao Japão com direito a um acompanhante

Carro dos Sonhos Toyota

Já estão abertas as inscrições para a sétima edição do Carro dos Sonhos Toyota, concurso cultural e artístico que tem como principal objetivo estimular a criatividade de crianças e adolescentes entre quatro e 15 anos de idade. A ação visa ainda fortalecer o relacionamento entre a Toyota do Brasil, sua rede de concessionárias e as comunidades onde a fabricante possui unidades produtivas.

Para participar é necessário realizar um cadastro gratuito prévio pelo site http://toyotadreamcar.com.br/ até o dia 08 de fevereiro de 2019. O regulamento completo da competição e outras informações importantes podem ser consultados no mesmo endereço.

A Toyota preparou um vídeo aos interessados em participar com dicas para a formulação da ideia e preparo do desenho. Para assistir, clique aqui.

As últimas obras vencedoras da etapa nacional também podem ser consultadas pelo site do concurso.

Carro dos Sonhos Toyota
Conforme determina o regulamento, os participantes do concurso Carro dos Sonhos Toyota são separados em três categorias em todo o mundo: de quatro a sete anos, de oito a 11 anos e de 12 a 15 anos.

A competição é dividida basicamente em quatro fases. Na primeira delas, após a inscrição, o candidato deve entregar seu desenho em qualquer concessionária da marca ou enviá-lo diretamente ao escritório comercial da fabricante, localizado em São Bernardo do Campo. Todas as orientações de entrega e envio também podem ser consultadas pelo site do concurso.

Posteriormente, todos os desenhos recebidos pela organização, dentro do prazo estipulado, passarão por uma triagem e seleção inicial de um comitê julgador. Na terceira etapa, um júri composto por executivos da Toyota do Brasil e especialistas em desenho seleciona três vencedores por categoria. Todos serão premiados com celulares, tablets, videogames, notebooks e câmera digital, variando de acordo com a categoria e a colocação do participante.

As nove obras selecionadas seguem para o Japão e lá participam de uma nova avaliação para a seleção de 30 finalistas globais (10 por categoria). Entre os membros da comissão julgadora estará Akio Toyoda, presidente da Toyota Motor Corporation.

Os finalistas de cada país ganharão, portanto, uma viagem ao Japão com direito a um acompanhante e despesas pagas pela Toyota. Todos visitarão a matriz da fabricante, em Tóquio, e participarão da cerimônia de premiação, prevista para acontecer no início do próximo ano.

Conquistas Brasileiras
A Toyota do Brasil já esteve no lugar mais alto do pódio durante a etapa mundial do concurso Carro dos Sonhos. Na edição 2016, a paulista Gabriele Castro de Sousa foi a vencedora, enquanto a guarulhense Victoria Oliveira foi a campeã da edição 2017. Ambas venceram pela categoria 12 a 15 anos.

Última edição
No final de agosto deste ano, a Toyota Motor Corporation realizou a 12ª cerimônia global de premiação do concurso Carro dos Sonhos. Foram cerca de 650 mil desenhos recebidos de 76 países em todo o mundo.

Para conhecer os desenhos vencedores em suas respectivas categorias, acesse https://www.toyota-global.com/events/dream_car_art_contest/newsroom/.
Fonte: Toyota

sábado, 15 de setembro de 2018

Lexus inova: câmeras no lugar dos espelhos dos retrovisores

A Toyota inova no seu próximo Lexus ES a ser lançado em outubro. No lugar dos retrovisores, câmeras especiais
Toyota Lexus ES

A Toyota Motor anunciou na quarta-feira (12) uma inovação para o lançamento do Lexus ES, no próximo mês. Se o cliente preferir pode pedir câmeras no lugar dos tradicionais retrovisores com espelhos.

A gigante informou que essa inovação para veículos produzidos em massa é inédita no mundo.

As câmeras são menores do que os retrovisores convencionais, portanto há vantagens. Segundo a montadora, aumenta o campo de visão frontal diagonal e também diminui o ruído do vento com o carro em alta velocidade.

Como funcionam essas câmeras
No lugar dos espelhos dos retrovisores laterais – direito e esquerdo – e também do traseiro, são instaladas câmeras.

As imagens são apresentadas em monitores no painel, proporcionando maior visibilidade.

As câmeras possuem forma que dificulta a aderência das gotas de chuva ou água. O motorista pode dirigir com conforto e segurança mesmo nos dias chuvosos e à noite. Isso porque a clareza e brilho das imagens no monitor são ajustadas automaticamente, de forma que fica fácil para o motorista visualizá-las.

Se quiser essa inovação basta pagar como opcional de luxo.

Segundo a montadora essa novidade para o exterior ainda não tem data programada. 
Fonte: Portal Mie com Sankei